Sem “atchim”! Cuidados para manter a saúde das crianças no Outono

O Outono é acompanhado de mudanças de temperaturas e poucas chuvas, uma mistura que pode ser bastante preocupante para as crianças. Com o aumento da circulação dos vírus, é preciso que os pais estejam atentos para evitar transtornos que vão dos resfriados às infecções respiratórias como a bronquite e a rinite. Descubra como manter o seu pequeno protegido durante a temporada.

Esse é um momento de mudanças bruscas de temperatura e de um aumento da poluição do ar por conta da baixa umidade, dois fatores que afetam muito a saúde das crianças, já que elas ainda não têm a imunidade completa e estável.

Faça a imunização

O primeiro cuidado para enfrentar doenças comuns dessa época é garantir a imunização correta, então não deixe de atualizar a carteirinha de vacinação. A vacina contra a gripe já está sendo ofertada tanto em clínicas particulares quanto em postos de saúde públicos, e esse é o momento ideal de tomar. Ela pode ser administrada para crianças a partir dos seis meses e ser reforçada anualmente. Outra vacinação importante é contra o Sarampo, indispensável para quem ainda não tomou.

Evite aglomerações

Seu bebê tem menos de seis meses? Então o principal cuidado está em evitar o contato com muitas pessoas. As crianças até essa idade não estão completamente vacinadas, então precisamos evitar lugares fechados e não receber muitas visitas, porque os vírus se espalham facilmente com o contato com alguém infectado e o que parece algo simples para nós adultos pode ser bastante perigoso para elas. Quando receber, prefira deixar o neném no quarto e não deixe que ninguém o carregue no colo. Já para os maiores – que já interagem com outras pessoas e ambientes – o ideal é optar pela diversão em locais abertos, como parques e praças, ou não muito aglomerados.

Proteção contra o frio

Agasalhar bem as crianças antes de sair ou ao dormir é indispensável, mas vale lembrar que é preciso cuidado com os bebês: Eles podem sufocar quando usamos muitas mantas e cobertores pesados, então o melhor mesmo é que essa criança durma com mais roupinhas para ficar aquecida.

Aumente a hidratação

Embora a desidratação não seja tão rápida quanto no verão, a hidratação adequada continua sendo bastante importante – então nada de se descuidar! Quando a criança está hidratada ela tem muito menos chances de ficar doente, mas nessa época elas costumam não perceber tanto que estão com sede e acabam não pedindo por água. É importante estar atento e oferecer água sempre que possível.

Fonte: fastlife.fastshop

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.